20 de jan de 2013

O suficiente


"Ser feliz, basta pra você?" Alguém já te fez essa pergunta? O que afinal é "ser feliz"? 
Ser feliz é acordar cedo todos os dias pra ter a oportunidade de ver o sol nascer; é tomar banho de chuva sem se preocupar em ficar gripado; é ler um bom livro; escutar uma boa música - desde que você cante e dance junto, é claro; é comer quanto chocolate tiver vontade sem se preocupar com a balança; é ver uma criança sorrir e sorrir também. Ser feliz é dormir de conchinha, nem que seja com o travesseiro; é assistir filmes em tardes chuvosas; é estar ao lado de quem gosta de você; é viajar, nem que seja apenas na imaginação; é ter o corpo inteiro doendo depois de malhar muito, desde que isso te faça sentir bem.
A felicidade está ao sentar para ouvir e contar histórias aos amigos; ao saber rir de si; ao passar o dia inteiro na piscina sem pensar nos problemas de gente grande. 
A felicidade está em um copo de café, em um agasalho, em uma fotografia, em uma lembrança.
Ser feliz é escrever cartas, mas ser muito feliz é recebê-las. Ser feliz é beijar, enquanto ser muito feliz é ser beijado. Ser feliz é telefonar pra alguém com quem não fala a muito tempo, ser muito feliz é receber, desse mesmo alguém, um telefonema.  
Mas pra você, isso é o suficiente? 

Um comentário:

  1. Decerto, não deveríamos dizer "ser feliz", mas, "estar feliz".... porque a felicidade é assim um sopro, um suspiro... está nas coisas simples da vida e em não querer o que não se pode ter. Não é conformismo, é contentamento!!!

    ResponderExcluir

Deixe aqui a sua poesia,ma sua crítica, parte de você: